Acesso à internet aumenta no Rio Grande do Sul e ultrapassa os 14 milhões de habitantes

Foto: Pixabay

O uso da internet é algo que entrou na rotina dos brasileiros. Nos últimos 10 anos, a quantidade de pessoas com acesso à internet, seja via telefonia fixa ou por telefonia móvel, bateu recordes e ultrapassou a marca dos 70% em todo o país. Atualmente, o Rio Grande do Sul é o sexto estado com mais habitantes conectados, segundo dados oficiais da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). São mais de 14 milhões de pessoas integradas ao mundo online.

Esse é um número que cresceu constantemente nos últimos anos, principalmente com o investimento em estrutura realizada pelo governo estadual. Em 2020, por exemplo, um acordo com a empresa Oi garantiu um montante de R$ 290 milhões na instalação de redes para fibra óptica em todo o RS. Em junho deste ano, a empresa Vero Internet fez um investimento semelhante com R$ 30 milhões. O objetivo é fazer com que a internet seja cada vez mais usada pelas pessoas, seja para o entretenimento ou até mesmo para atividades profissionais.

A melhora na estrutura também chegou até as casas das pessoas. O levantamento feito pela Anatel aponta que mais de 2 milhões de domicílios no RS contam com acesso à internet de boa qualidade, seja por banda larga ou até mesmo por fibra. Apesar de a conexão móvel ser mais popular, inclusive por ser mais barata, o uso de internet fixa também está crescendo na região. Isso é bom sinal, pois significa uma melhora na qualidade de vida dos habitantes.

Os serviços digitais possuem como principal característica a versatilidade. Ou seja, é possível usar a internet em diferentes setores e causar um grande impacto. Isso pode ser visto com o crescimento do e-commerce, que desbancou as lojas físicas e, atualmente, é essencial para qualquer comerciante que almeja crescer no mercado brasileiro. As redes sociais também conseguiram o mesmo protagonismo, desbancando outros meios de comunicação, como a TV, e se transformando em lugares ideais para propagandas e campanhas de marketing.

A internet e o entretenimento

Apesar de todo o impacto no comércio, é no entretenimento digital que a internet conseguiu fazer mais diferença. Por exemplo, os sites de cassino online aproveitaram a ausência de casas de apostas no Brasil para oferecerem uma alternativa aos fãs de apostas. A lista feita pelo site Casinos.pt mostra que as plataformas mais indicadas possuem vários recursos para oferecer uma experiência dinâmica e interativa nos jogos. No caso do pôquer, o cassino ao vivo oferece ao usuário a oportunidade de jogar contra adversários reais e, via streaming, interagir com crupiês de verdade. Isso faz com que a experiência seja semelhante com a de jogar em um cassino tradicional.

Além do sucesso com os cassinos online, a internet também causou impacto em outro setor importante do entretenimento. Antes dominado pelos cinemas e pelas emissoras de TV paga, o conteúdo audiovisual, como filmes, séries e documentários, começou a ganhar mais espaço na casa das pessoas com as plataformas de streaming. Segundo reportagem do site Olhar Digital, o crescimento desse serviço nos últimos cinco anos impactou a vida de mais de 30 milhões de brasileiros. Um número incrível e que só deve aumentar no futuro.

Esses exemplos mostram como existe um grande potencial de uso da internet, seja apenas por diversão ou até mesmo por empresas em busca de espaço no mercado. O investimento feito no Rio Grande do Sul é importante para conectar ainda mais o estado, principalmente de regiões afastadas do centro de Porto Alegre, como é o caso de Osório e outras cidades do litoral gaúcho.

Crescimento no RS

Em 2019, a quantidade de habitantes com acesso à internet não passava dos 12 milhões de gaúchos. Isso significa que o crescimento em apenas um ano foi positivo, e causou um grande impacto. Não é coincidência que o investimento em tecnologia e inovação seja o principal foco de várias empresas. O Grupo RBS, por exemplo, anunciou recentemente uma injeção de R$ 63 milhões apenas nessa área.

O acesso à internet é uma das principais prioridades do governo estadual nos próximos anos, e isso é uma boa notícia. É possível presenciar o impacto positivo do uso da internet pela população, e não importa se seja em domicílio ou por telefonia móvel. O mais importante é ter o Rio Grande do Sul cada vez mais conectado e com uma boa estrutura para poder usufruir da riqueza do mercado digital.

Comentários

Comentários