Freeway bate recorde histórico de veículos: veja números

Foto arquivo: Fabiano Panizzi - Divulgação CCR Via Sul

A Freeway celebrou um novo feito em seus 50 anos de história.

VIU

No último dia 2 de janeiro, a CCR ViaSul testemunhou um fluxo recorde de veículos, alcançando a marca de 117 mil automóveis trafegando pela via.

Este número superou o recorde anterior de 115,5 mil veículos registrados em um único dia.

Além desse recorde de tráfego total, outro marco foi batido no mesmo dia: o índice de motoristas trafegando em direção à capital também atingiu um novo patamar, ultrapassando 87 mil condutores ao longo do dia.

Dr. Bruno Loranos Germani

Esse número superou o último recorde registrado, de 85,2 mil motoristas, observado em 3 de janeiro de 2021, em um fluxo unidirecional.

“Quando estimamos o fluxo para operações especiais durante feriados e períodos de férias, baseamo-nos nos números de anos anteriores, ajustando conforme a situação, como feriados prolongados ou sua proximidade com os finais de semana.

Massagem
Livros Cristãos

Antecipamos um movimento intenso, que inclusive superou nossas previsões”, explica Paulo Linck, gerente de Operações da CCR ViaSul.

O balanço da Concessionária revela que entre 22 de dezembro de 2023 e 2 de janeiro de 2024 mais de 3 milhões de veículos trafegaram pelas rodovias sob sua administração, superando a previsão inicial de 2,7 milhões.

Disco Mania

Dentre as rodovias, a Freeway se destacou com um movimento de 919 mil veículos, dos quais 526 mil se dirigiram ao litoral e 392 mil seguiram para Porto Alegre.

A BR-386 também registrou um número expressivo, com quase 370 mil motoristas no mesmo período, ultrapassando a estimativa de 350 mil da empresa.

Aumento dos Atendimentos

O aumento do fluxo resultou em um crescimento significativo no número de atendimentos prestados pelas equipes do Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU).

Durante os onze dias, foram registrados mais de 4,2 mil eventos, totalizando mais de 381 casos por dia, equivalendo a quase 16 ocorrências por hora.

Registre sua marca

Destes, os socorros mecânicos lideraram, com 2,8 mil atendimentos.

Ambos os índices mostraram um aumento em comparação ao ano anterior, quando foram registradas 3,7 mil ocorrências, das quais 2,2 mil foram socorros mecânicos.

Os principais pedidos de auxílio foram para casos de pane mecânica, totalizando quase 2 mil atendimentos, seguidos por pneus furados (430), superaquecimento do motor (147), pane elétrica (74), pane seca (60) e bateria descarregada (44).

“Nessa época, muitos motoristas, na pressa de sair para as férias, acabam negligenciando a verificação de itens básicos do veículo, como níveis de óleo, água do radiador e combustível.

A revisão veicular periódica é crucial para verificar a segurança dos pneus, limpadores, faróis, entre outros. Esses cuidados evitam imprevistos e transtornos durante as viagens”, destaca o gerente.

Segundo o estudo da Concessionária, ocorreram 162 acidentes, com 76 vítimas e quatro óbitos ao longo das quatro rodovias no período.

Receba as principais notícias no seu WhatsApp

Comentários

Comentários