IFRS utilizará Enem para ingresso em cursos

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) utilizará o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) na forma de ingresso em seus cursos no ano de 2012. O percentual de vagas a ser destinado a essa modalidade de ingresso será definido posteriormente e divulgado através de edital próprio.

As inscrições para o Enem 2011 poderão ser feitas até 23h59min do dia 10 de junho, no site http://enem.inep.gov.br/. A taxa de inscrição é de R$ 35. Alunos que cursam o 3° ano em escola pública são isentos da taxa, assim como membros de famílias de baixa renda ou que estejam em situação de vulnerabilidade socioeconômica. O edital, publicado no dia 19 de maio pelo Ministério da Educação, traz informações aos alunos que estiverem concluindo o Ensino Médio em 2011, ou que já concluíram em anos anteriores, interessados em participar do exame. As provas estão marcadas para os dias 22 e 23 de outubro.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão vinculado ao MEC responsável pela organização do Enem, espera um total de 6 milhões de inscritos nesta edição do exame. Até segunda-feira, dia 6 de junho, foram recebidas 4 milhões de inscrições. O Inep já marcou outro Enem para o primeiro semestre do ano que vem, nos dias 28 e 29 de abril de 2012.

Com a nota da prova, estudantes podem se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) concorrendo a vagas em instituições públicas de ensino superior de todo o país, como o IFRS. No ano passado, foram ofertadas 83 mil vagas em 83 instituições, sendo 39 universidades federais.

Em 2010, o IFRS foi uma das oito instituições gaúchas a realizar a seleção pelo SiSU, ofertando 560 vagas para 16 cursos. Ao todo, no Rio Grande do Sul, os estudantes puderam se inscrever a 9.963 vagas. Em todo o país, os institutos federais abriram 16.879 vagas, das quais 893 no RS. O SiSU recebeu mais de 2 milhões de inscritos, sendo 158.616 no Estado. O Campus Osório teve 348 inscritos para as 30 vagas do curso superior de Tecnologia em Processos Gerenciais, que iniciou neste semestre.

As provas

O exame tem quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha e uma redação. As provas vão tratar de quatro áreas de conhecimento do Ensino Médio:

* Ciências humanas e suas tecnologias: história, geografia, filosofia e sociologia;

* Ciências da natureza e suas tecnologias: química, física e biologia;

* Linguagens, códigos e suas tecnologias e redação: língua portuguesa, literatura, língua estrangeira (inglês ou espanhol), artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação;

* Matemática e suas tecnologias: matemática.

Comentários

Comentários