Mulher é mantida em cárcere privado em Balneário Pinhal

Uma mulher foi mantida em cárcere privado após sair do Rio de Janeiro e vir para Balneário Pinhal, em Magistério, para encontrar um homem.

A vítima de 46 anos chegou no Litoral Gaúcho há cerca de duas semanas.

Após alguns dias ela resolveu voltar ao seu estado de origem, sendo impedida e trancada em um quarto da casa do acusado.

Durante o período, chegou a ser agredida com socos e chutes.

Em um descuido do agressor, ela conseguiu buscar ajuda.

A Brigada Militar foi acionada e prendeu o acusado de 52 anos, por cárcere privado e lesão corporal.

Receba as principais notícias no seu WhatsApp

Comentários

Comentários