Polícia apreende cocaína cor-de-rosa no RS

A Polícia Civil divulgou neste sábado (12) que apreendeu, nesta semana, cocaína cor-de-rosa durante ação no Vale do Caí.

Vero Internet

Conforme a corporação, ainda não havia no Estado registro de apreensões dessa substância — considerada de grande poder alucinógeno e alto risco para a saúde.

A informação é do titular da 3ª Delegacia do Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc), delegado Gabriel Borges. Segundo ele, o entorpecente estava em meio a outros mais de 130 quilos de drogas, dentro de tonéis enterrados em uma residência no município de São Sebastião do Caí.

Dr. Sander Fridman - 16/11

De acordo com a apuração, o local era usado como um laboratório e depósito de drogas por uma facção criminosa que atua em todo o RS. Na ação, dois suspeitos que faziam a segurança do imóvel foram presos.

O nome da cocaína cor-de-rosa é 2-CB, ou 2-dimetoxibenzaldeído.

Em outras regiões e países, a substância também é conhecida como “vênus”, “erox” ou “nexus”.

Livros Cristãos
Polícia apreende cocaína cor-de-rosa no RS

Segundo o que a polícia já apurou, essa droga não é muito comum no Brasil por ter alto custo de produção e por ter distribuição restrita a bairros nobres, tanto em cidades do país quanto do Exterior.

Descoberta em 1974, ela seria inicialmente usada para o tratamento de dependentes químicos.

Neste ano, após autópsia no corpo da brasileira Emmily Rodrigues Santos Gomes, 26 anos, que caiu de um prédio localizado em uma área nobre de Buenos Aires, na Argentina, foi constatada a presença de cocaína cor-de-rosa. As causas da morte ainda são apuradas.

Disco Mania

Comentários

Comentários