Susepe lança clipe do programa MC's Para a Paz em Osório

Para promover a integração social dos jovens apenados por meio da arte, a Coordenadoria da Juventude da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) fez o lançamento, nesta terça-feira (3), de um videoclipe protagonizado por integrantes do MC's Para a Paz. O cenário é o interior da Penitenciária Modulada de Osório.

A ação é uma parceria com a ONG Alvo Cultural, que gravou áudio e vídeo. A obra foi exibida a autoridades do município, do poder Judiciário, Ministério Público, servidores e sociedade em geral. O filme utiliza o hip-hop para retratar o cotidiano dos jovens apenados, “porque é um gênero que possui uma expressão artística capaz de realizar mudanças positivas entre os jovens vulneráveis na sociedade”, destacou um integrante da empresa W Negro, realizadora.

Fernanda Bassani, psicóloga responsável pelo MC's Para Paz da Susepe, explicou que os jovens ligados ao projeto – criado em 2007 – deixam de incorrer em crimes dentro das celas. “As energias são canalizadas para a arte e, alguns, já se tornaram oficineiros do movimento hip-hop, difundindo a forma de dançar e cantar”, disse. Três estabelecimentos penais recebem atividades do MC's Para a Paz – em Arroio dos Ratos, Jacuí e Osório.

MC's Para a Paz

O Projeto MCs para a Paz é desenvolvido na Penitenciária Modulada de Osório há um ano, atendendo jovens e primários que passaram pelo Programa de Classificação de Presos do Departamento de Seguranças e Execuções Penais (DSEP). De acordo com Fernanda, o objetivo é despertar talentos e habilidades, bem como dar novo significado aos interesses dos jovens, retirando-os do universo criminal e inserindo-os em uma proposta de empreendedorismo cultural. “Estratégia que se integra às preocupações nacionais em combater o extermínio da juventude no Brasil”, destacou a psicóloga.

Comentários

Comentários