Corpo de pescador é encontrado no mar após embarcação desaparecer

O corpo do pescador Willien Paredes da Silva, 29 anos, foi encontrado neste sábado (19) próximo as praias dos Ingleses e Santinho, na região Norte de Florianópolis.

A Polícia Científica confirmou a identificação.

Segundo o capitão Vilela, dos bombeiros, tripulantes de uma embarcação que transitava pelo local encontraram o corpo flutuando perto ao costão e acionaram a corporação, que o retirou do mar.

Equipes de busca e resgate seguem procurando pelo corpo do pescador ainda desaparecido.

O barco de pequeno porte sumiu perto da Ilha das Aranhas, em Florianópolis.

Os pescadores saíram para pescar durante a manhã de segunda-feira (14) e não retornaram.

Eles estavam na ‘Lancha – VITORIA’, de 16 pés (cerca de 5 metros de comprimento).

Nota da Polícia Científica

A Polícia Científica de Santa Catarina informa ter concluído os exames técnicos relacionados ao corpo encontrado na manhã deste sábado, 19, na praia dos Ingleses, em Florianópolis.

A vítima foi identificada como Willen Paredes da Silva, 29 anos, natural de Florianópolis.

A Polícia Científica reafirma seu compromisso com a sociedade, de usar à ciência para promoção da justiça.

Buscas no Litoral Gaúcho

Os dois pescadores desaparecidos há cinco dias no mar de Santa Catarina poderiam estar à deriva em águas gaúchas, na altura de Capão da Canoa, a cerca de 110 quilômetros da costa.

As cartas marítimas que projetam o cálculo de deriva, de um site australiano de busca e salvamento, indicam este local.

Orlando Lemos, de 78 anos, e Willen Paredes, 28, saíram para pescar durante a manhã da última segunda-feira e não retornaram.

star

A família criou uma vaquinha virtual para a contratação de uma aeronave, equipe de mergulho e custear as despesas para atuarem nas buscas. No Rio Grande do Sul, eles estão contando com o apoio da empresa Táxi Aéreo Camejo para auxiliar.

A empresa disponibilizou pilotos e aeronaves para ajudar no socorro, e os familiares somente arcarão com as despesas de combustível e custos operacionais.

Eles estavam acompanhados de outros barcos, que retornaram à costa, após Orlando e Willen decidirem permanecer mais tempo no mar.

A vakinha virtual está no ar e pode ser acessada através deste link: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-na-busca-do-willen?utm_campaign=13823552&utm_medium=ajude-na-busca-do-willen&utm_source=thanks-shares

Receba as principais notícias no seu WhatsApp

Comentários

Comentários