Grande explosão solar causa apagão de rádios na América do Sul

Na sexta-feira, uma explosão solar massiva ocorreu na mancha solar AR3575, marcando uma das maiores explosões solares dos últimos anos.

Vero Internet

Este evento cósmico foi acompanhado por uma ejeção de massa coronal (EMC), liberando uma quantidade substancial de plasma do campo magnético do Sol em direção ao espaço.

Embora a explosão não tenha ocorrido diretamente na direção da Terra, seus efeitos foram sentidos em nosso planeta.

Portela Serviços Funerários

A forte emissão de raios-X e radiação ultravioleta extrema resultante da explosão causou um apagão de rádio em ondas curtas em toda a América do Sul, África e no Atlântico Sul.

Esta radiação atingiu a Terra em cerca de oito minutos, ionizando a termosfera e desencadeando o apagão de rádio em regiões iluminadas pelo sol naquele momento.

Felizmente, a mancha solar responsável pela explosão se moveu para além da borda do sol, evitando que a Terra fosse diretamente afetada pelos piores efeitos.

No entanto, a ejeção de massa coronal liberada pela explosão está prevista para atingir Vênus, Mercúrio e Marte neste fim de semana, de acordo com um modelo da NASA.

Livros Cristãos
Grande explosão solar causa apagão de rádios na América do Sul

As explosões solares são eventos desencadeados pelo acúmulo de energia magnética na atmosfera solar, resultando em uma intensa liberação de radiação eletromagnética.

Classificadas por tamanho, as explosões solares são categorizadas em classes, com a classe X sendo a mais poderosa.

Neste caso, a explosão foi classificada como classe X, causando apagões de rádio e alertando para a possibilidade de tempestades geomagnéticas.

Litoralmania Sistemas

Embora os prótons energéticos resultantes da explosão estejam alcançando a Terra, gerando uma “tempestade de radiação solar” de categoria S2, não há risco para as pessoas na superfície do planeta, segundo a MetSul.

No entanto, a intensidade desses eventos destaca a importância de monitorar o clima espacial e seus efeitos potenciais em tecnologias sensíveis ao espaço, como satélites em órbita terrestre.

Este evento astronômico serve como um lembrete fascinante da dinâmica complexa do nosso sistema solar e da influência que o Sol exerce sobre nosso planeta e no espaço ao seu redor.

Receba as principais notícias no seu WhatsApp

Comentários

Comentários