Petrobras usa prejuízo para pedir reajuste de combustíveis

Primeiro prejuízo da Petrobras em mais de uma década, a perda de R$ 1,346 bilhão no segundo trimestre poderá desencadear nova onda de pressões por aumentos nos combustíveis.

Ontem, a presidente da estatal, Graça Foster, em conferência para analisar o resultado divulgado na sexta-feira, defendeu novamente reajuste no preço da gasolina e do óleo diesel.

Comentários

Comentários