Enchentes no RS: mais de 10 mil animais resgatados em operação especial

Governo do Estado, com apoio de ONGs e outros órgãos, intensifica ações de salvamento e busca por tutores.

VIU - Internet

Mais de 10 mil animais, entre cães, gatos, aves e até mesmo guaxinins, foram resgatados das áreas atingidas pelas enchentes no Rio Grande do Sul.

A força-tarefa, liderada pelo governo do Estado e com a participação de ONGs como o Grupo de Resgate de Animais em Desastres (Grad), trabalha incansavelmente para salvar vidas e reunir os animais com seus tutores.

Ações em diversas cidades:

  • São Sebastião do Caí, Canoas e Esteio: equipes já atuaram nessas localidades, priorizando áreas com acesso terrestre.
  • Eldorado do Sul: atualmente, o foco dos trabalhos está nesse município, considerado um dos epicentros da tragédia.
Feira dos Retalhos

Operação conta com:

  • Equipe da Sema: oferece suporte logístico, estrutural e de pessoal.
  • Grad: ONG especializada em salvamento de animais em situações de desastre.
  • Forças de segurança do Estado: auxiliam nas buscas e resgates.
  • Força-Tarefa de Resgate Técnico de Animais de Mato Grosso do Sul: chegará nos próximos dias para reforçar a equipe.
Massagem
Livros Cristãos

Como encontrar seu animal:

  • Entre em contato com a Defesa Civil do seu município.
  • Visite os abrigos públicos da sua cidade.
  • Em breve, a Sema divulgará uma lista completa dos abrigos que estão recebendo os animais.
Xis do Jô

Ações para garantir o bem-estar animal:

  • Triagem veterinária: todos os animais resgatados são examinados por veterinários.
  • Abrigos e clínicas: animais em bom estado são direcionados para abrigos públicos ou para o Grad. Aqueles que precisam de cuidados médicos são encaminhados para clínicas veterinárias.
  • Doações: a Força-Tarefa de Mato Grosso do Sul trará alimentos, cobertores e materiais de primeiros socorros para auxiliar no atendimento aos animais.
Disco Mania

A Sema destaca a importância da colaboração da comunidade:

  • Voluntários: a participação de voluntários é fundamental para agilizar o processo de resgate e identificação dos animais.
  • Organizações de proteção animal: a parceria com ONGs especializadas em proteção animal garante um atendimento mais completo aos animais.
  • Órgãos do governo: a colaboração com outros órgãos do governo, como Ibama e ICMBio, fortalece as ações de resgate e proteção ambiental.

Receba as principais notícias no seu WhatsApp

Litoralmania Sistemas

Comentários

Comentários